Segurança da informação: sinais para sua empresa ficar atenta

Início/ÚLTIMAS NOTÍCIAS/Artigos/Segurança da informação: sinais para sua empresa ficar atenta

Segurança da informação: sinais para sua empresa ficar atenta

O mundo da inovação é muito veloz. Os processos mudam em pouco tempo, as tecnologias evoluem constantemente e o empresário precisa estar em sintonia com a velocidade deste mercado exigente. Diante de um cenário como este, é necessário estar preparado para eventuais ameaças e a segurança da informação é sempre um ponto de atenção, mesmo nas empresas de TI.

A segurança digital deve ser uma preocupação diária das empresas, alvo de diversos relatórios divulgados mundialmente pelas corporações especializadas no assunto. Esses documentos são ferramentas importantes para que os gestores de TI possam definir suas próximas estratégias e evitar prejuízos financeiros de altas cifras.

Quando falamos sobre segurança da informação, a melhor tática é a prevenção aliada ao conhecimento. Sua empresa está preparada para lidar com ataques no ambiente virtual? A seguir, conheça um pouco mais sobre esse tema e descubra as principais ameaças aos sistemas empresariais.

Uso inadequado de dispositivos

Hoje, a mobilidade é presente na vida de muitos profissionais. Os smartphones são ferramentas de trabalho e permitem que os documentos empresariais sejam manipulados dentro e fora da empresa, em qualquer horário.

Analisada do ponto de vista da segurança da informação, no entanto, o uso massivo dos dispositivos mobile traz consigo uma série de vulnerabilidades. Os arquivos são armazenados sem criptografia e podem ser acessados por qualquer pessoa, caindo em mãos erradas.

Para minimizar esses riscos, o ideal é que sua empresa adote maiores rotinas de controle e invista na conscientização das equipes, por meio de treinamentos constantes.

Ataques virtuais

Tudo começa com o rastreamento das vulnerabilidades da empresa e a instalação de vírus e malwares que dão acesso à rede corporativa. A seguir, ferramentas auxiliares realizam a captura de informações importantes, o objetivo principal do ataque. A ação é finalizada com a exclusão dos dados e a instalação de uma “porta” para os acessos seguintes.

Esse tipo de procedimento, difícil de ser detectado, é conhecido como “Ameaça Persistente Avançada” (Advanced Persistent Threat, em inglês) e já foi responsável por muitos prejuízos nas empresas ao redor do mundo.

Aqui, um bom caminho para a prevenção também passa pelo treinamento dos colaboradores e inclui a utilização de ferramentas de detecção de malwares e a instalação de sistemas de monitoramento.

Utilização de DDOs

Esse tipo de ataque é bem comum e costuma trazer muitos transtornos para a empresa. Basicamente, ele consiste na ação de uma rede de computadores zumbis que fazem muitas requisições simultâneas a um site ou sistema web, causando lentidão ou queda no acesso. É um tipo de “sequestro” virtual, muitas vezes usado para extorsão financeira.

A prevenção para essa ameaça pode ser feita com a adoção de firewalls e de sistemas que detectam automaticamente os IPs suspeitos.

Internet das Coisas

Estamos na era da conectividade e a Internet das Coisas é um dos principais adventos dos últimos anos. O que antes era restrito a uma tela de computador, hoje é disponível em dispositivos dos mais variados tipos e com as mais diversas finalidades.

Como é de se esperar, essa gama enorme de equipamentos sem fio representa também uma considerável ameaça à segurança da informação, uma verdadeira porta de entrada para os ataques digitais.

O gestor de TI deve reforçar as políticas de segurança, caso deseje utilizar aparelhos da Internet das Coisas no ambiente corporativo. Mais do que isso, deve estabelecer regras de controle de acesso e usar sistemas de monitoramento para evitar problemas.

Como vimos, o trabalho de prevenção das ameaças digitais é um esforço diário. Os profissionais responsáveis pela segurança da informação precisam estar sempre atentos e agir com proatividade. Apostar nas ferramentas de monitoramento também é muito importante, pois um problema detectado previamente pode evitar dores de cabeça bem maiores.

Quer manter-se informado sobre o mercado de TI? Aproveite e curta a nossa página no Facebook. Acompanhe as notícias do setor, fique por dentro dos eventos e saiba mais sobre a atuação da Assespro-SP.

By | 2017-06-09T11:12:53+00:00 maio 31st, 2017|Artigos|2 Comentários

Sobre o Autor:

2 Comentários

  1. Ideals 4 de julho de 2017 em 05:20- Responder

    Um excelente artigo, realmente. Lembro-me que recomendo o uso de salas de dados virtuais para manter as informações de negócios protegidos perfeitamente contra espionagem e vazamento de dados.

  2. Ideals 11 de julho de 2017 em 04:53- Responder

    Um bom artigo, amigo. De passagem, gostaria de recordar que as salas de dados virtuais de uso necessárias para a segurança de informações confidenciais.

Deixar Um Comentário